Autor | Arquitetura Sacra

Minha foto

Arquiteto e Urbanista, sócio fundador do escritório FAUST arquitetura (2005). 

Graduado pela Universidade Federal de Santa Catarina UFSC (2004). Pós-graduado em Espaço celebrativo-litúrgico e arte-sacra na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia de Minas Gerais FAJE (2010). 

Assina a autoria de 128 Igrejas, 50 salões paroquiais, 46 centros pastorais, 12 sedes de ação social, 12 casas paroquiais e 11 secretarias paroquiais, em 13 estados, 83 cidades no Brasil e no México. 

Também participou em outros projetos e obras como consultor. Ministra palestras e Cursos em Arquitetura Sacra. Escreve artigos para a revista Paróquias e Casas Religiosas de São Paulo.

terça-feira, 21 de novembro de 2017

■ Igreja Matriz São Miguel | Maringá PR | Autor Arq Ed.Faust

■ Localização | Maringá PR  
■ Diocese de Maringá – Paróquia São Miguel Arcanjo 
■ Pároco | Padre Onildo Gorla  
■ Autor | Arq Eduardo Faust  
■ Projetos | FAUST arquitetura e engenharia  
■ Equipe | Arq Egvar; Arq Gustavo; Arq Renato 



Acima - Foto Antes da reforma
Abaixo - Foto depois da reforma





No primeiro milênio da Igreja não tínhamos bancos, os fiéis celebravam de pé em torno do altar. A distribuição desta assembléia em círculo com o altar em seu centro é um convite para que todos desfrutem do grande banquete pascal. Neste espaço o altar ao centro e assembleia em semicírculo  busca estas referencias. 




O ambão elevado um degrau acima retoma o ambão antigo que não se trata somente de uma mesa, mas de um espaço. Assim como a própria palavra Ambão vem do grego anabaino, que significa elevar-se, o processo de elevar-se para proclamar a palavra de Deus. 


A tríade litúrgica básica se completa com a sédia, que foi desenhada com os mesmos traços e materiais do altar e do ambão. 

Madeira, quartzito, granito, mármore, bloco cerâmico. Os materiais brutos com sua beleza desnudada,  são belos em sua natureza em sua verdade, assim como os nossa fé cristã, temos uma verdade que é bela por si só.      


Capela do santíssimo

Nos documentos do concilio vaticano II é constante a indicação de que o presbitério deva ser cristocêntrico. Para isto criamos esta arcada ao fundo, que liga as laterais da Igreja e cria um ponto focal ao centro - ao altar -  a cruz.


Composta de arcos ogivais a arcada foi desenhada simbolizando nosso padroeiro São Miguel. Os cincos arcos formam quatro lanças. No livro do apocalipseo arcanjo Mikael (São Miguel) derrota satã com seu exército. Na arte sacra o principal símbolo de São Miguel são as asas e a espada (ou a lança) muitas vezes também compõe a balança e satã sendo subjugado. 


Arcanjo Miguel utilizou sua lança para derrotar o mal, a arcada foi desenhada com 4 lanças - que simbolizam os 4 evangelistas  e os 4 evangelhos forjam a arma do cristão para superar os piores momentos. 







Porta principal - Cruz celta





Inauguração Diácono Paulo e Padre Onildo




 







Próxima etapa | Reformulação das fachadas, construção da nova torre, salas  de atendimento e sacristias.





Nenhum comentário:

Postar um comentário