Autor

Minha foto

Arquiteto e Urbanista, sócio fundador do escritório FAUST arquitetura em 2005, trabalhando no mercado de arquitetura, engenharia e design. Graduado pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC em 2004.Pós-graduado em Espaço celebrativo litúrgico e arte-sacra na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia [FAJE].
Assina a autoria de 113 Igrejas, 22 salões paroquiais, 18 centros de evangelização, 5 sedes de ação social e 8 casas paroquiais, em 13 estados, 72 cidades no Brasil e no México. Além disso participou em outros projetos e obras como consultor. Ministra palestras e Cursos em Arquitetura Sacra. Escreve artigos para a revista Paróquias e Casas Religiosas de São Paulo.


CONTATO

arq.Eduardo.Faust | CAU A44041-8 | FAUST arquitetura | CAU 33490-1

■ Cel. whatsapp | 48 | 999779388 EMAIL | contato@eduardofaust.com
SITE | eduardofaust.com
■ FACEBOOK | facebook.com/FAUST.eduardo

quinta-feira, 15 de abril de 2010

■ PANTOCRATOR

Em muitos momentos deste blog a figura do Pantocrator será citada.
Veja a análise feita por mim com a orientação de Dom Ruberval OSB.




■ DESCRIÇÃO

Imagem em auto/baixo relevo esculpida provavelmente em uma pedra, o fato da imagem estar em preto e branco, dificulta esta análise. A composição da escultura é baseada um eixo vertical de simetria, com detalhes distintos ao longo deste eixo. O eixo citado é baseado na simetria de um homem que se encontra ao centro da figura. Este homem está envolvido por uma vesica piscis (ou mandala= amêndoa) com seus vértices no eixo central da figura. A parte inferior da vesica piscis está delicadamente apoiada sobre uma base, sobre esta base encontram–se dois personagens: a esquerda um Touro e a direita um Leão. No ponto superior a esquerda da vesica piscis encontra-se uma Águia e direita um Anjo. Estes 4 personagens formam os vértices de um retângulo imaginário que a vesica piscis está inserida. O embasamento está alinhado em ambas laterais.

As linhas que desenham a vesica piscis são adornadas com motivos geométricos, em seu módulo parece intercalar: um círculo com outro círculo em seu interior > um losango com outro losango em seu interior.

■ Descrição dos 5 personagens citados:

■ Homem ao centro

Cabelos longos repartidos ao meio tipo capacete, sem barba [imberbe] nem bigode. Atrás de sua cabeça encontrasse um circulo limitado pela vesica piscis, inserida neste circulo encontra-se uma possível cruz. Ele está vestido com túnica e sandálias, um detalhe da roupa que cai sobre seu ombro esquerdo evidencia a sua barriga grande. A Sua mão direita [a esquerda do observador] esta entendida á altura de seu ombro com a palma virada para que possamos ver. Os dedos: médio, indicador e polegar estendidos, pela imagem não pode se notar se estão levemente flexionados ou não. Os dedos: mínimo e anelar então abaixados. Este gesto faz com que sua mão saia do limite da vesica piscis que o envolve. A sua mão esquerda [a direita do observador] está sobre um livro aberto, mostrando as páginas do mesmo, o livro está apoiado sobre sua coxa esquerda. A outra perna está disposta de forma mais descansada. Ele está sentado num trono. O acento do trono possui adornos uma borda com motivos geométricos e o restante com outro padrão de motivos geométricos. Pode-se visualizar parte do encosto que também é ricamente adornada.

■ Águia [a cima - a esquerda]


É representada de perfil com a cabeça voltada para o centro e seu olho para focalizar o rosto do homem ao centro. Em sua cabeça vemos uma aureola e atrás existe um elemento compositivo que aprece ser sua asa erguida, ela faz um desenho que fecha o retângulo e toca a vesica piscis na parte superior.

■ Anjo [a cima - a direita]

É representado de frente e se acomoda como se estivesse escorado na vesica piscis. Com a cabeça levemente virada para o centro ele olha para o rosto do homem ao centro. Em sua cabeça vemos uma aureola, a partir de suas costas vemos uma asa que toca a ponta da vesica piscis fechando o retângulo. Em suas mão ele abaixo de seu braço esquerdo ele segura algo que não consigo descrever.

■ Touro [a baixo - a esquerda]

É representado de perfil e está voltado para o lado esquerdo da figura [para o lado de fora] Sua cabeça está voltada para esquerda [para fora] para onde também direciona seu olhar. Podemos ver uma asa à frente que cobre todo seu corpo e vemos a sua segunda asa nos fundos erguida fechando o retângulo. Ele possui aureola.

■ Leão [a baixo - a direita]

É representado de perfil e está voltado para o lado direito da figura [para o lado de fora] Porém sua cabeça está voltada para esquerda direcionando seu olhar a cabeça do homem ao centro da figura. O corpo está dividido em duas texturas diferentes, a traseira parece ser de um leão e a frontal fica difícil de descrever. A cabeça também fica difícil de descrever, sendo mais próximo de leão. Sendo assim consideremos que é um leão.



■ INTERPRETAÇÃO

A figura é um Cristo Pantacrator [pantokrator] pintado muitas vezes no interior de cúpulas sobre o local onde os fieis recebem a comunhão. É o elemento que comunica o terreno ao divino. O pantocrator pela própria etimologia da palavra significa Todo poderoso, símbolos que fazem menção a este conceito estão dispostos na imagem, como veremos mais a frente.

O pantocrator é representado na maioria das vezes em busto, sendo o principal motivo a ênfase a sua expressão facial como “centro” da imagem. E mesmo sem cores e representado de corpo inteiro, o artista neste trabalho consegue manter a face como principal elemento. Simbologia dos personagens da figura: Jesus Cristo:


Na mão direita, Ele faz o com os dedos erguidos sinal do Deus trino [pai, filho, espírito santo] este sinal deve ser feito os dedos levemente flexionados simbolizando ternura. A acentuação do baixo relevo da divisão das falanges é um indício de que a imagem mostra isso. Os outros dois dedos flexionados simbolizam: verdadeiro homem/verdadeiro Deus...Jesus Cristo.




Com a mão esquerda ele mostra a Palavra de Deus. Em outras representações a Bíblia pode estar fechada ou num rolo, deixando claro que a principal simbologia é a palavra como um todo, e não a inscrição que aproveita-se para fazer nas páginas abertas; como

nesta figura. A vestimenta de Cristo é bela, porém pouco adornada, ela representa a beleza sem suntuosidade que a liturgia deve seguir.



A barriga de Jesus ilustra o feminino, cristo imagem do Deus-mãe, grávida da salvação humana. O trono ilustra a posição de quem preside algo, de quem lidera. A própria imagem ajuda a dar sentido a Sédia elemento básico da liturgia. A auréola mostra se tratar de uma divindade, os 3 traços aparentes no interior da auréola são da cruz que representa o sacrifício. Muitas vezes estes traços da cruz possuem inscrições que simbolizam Cristo, a figura de Cristo, como Filho de Deus é utilizada para representar Deus, pois Ele é a imagem visível do Deus invisível.


O rosto de Cristo expressa o esquema de Rudolf Otto do:

- Deus Tremendum: Temor [tremendum], Poder [Majestas] e Energia [Orgé].

- Deus Fascinans: Santo [Augustos], Prudência [Sebastus]

O leão somado ao anjo, e a águia, são elementos que representam o homem. O leão exprime os sentimentos; a águia o intelecto; o anjo a espiritualidade.


■ SIMBOLOGIA:

O círculo representa o divino e o quadrado o terreno. Pois o quadrado se origina a partir do círculo. Nesta figura vemos o círculo representado pela vesica piscis que é gerada a partir da intersecção de dois círculos, e o quadrado por um retângulo. A vesica piscis simboliza o arquétipo de todas as formas de existência do Mundo Imanente. Jesus inserido no interior da figura simboliza Cristo a imagem de Deus criador.

Todos elementos simbólicos inseridos no interior da vesica piscis fazem menção ao divino, assim como os personagens na periferia da vesica piscis ilustram o terreno. Da forma como estes personagens se organizam origina-se o retângulo. Logo, quando os elementos terrenos buscam as formas do divino, cria-se uma nova forma harmônica com a que lhe deu origem. A passagem do divino pelo terreno é ilustrada pela mão direita que atravessa a elipse. Simbolizando obviamente a passagem do verdadeiro homem, verdadeiro Deus pela terra.


■ SAIBA MAIS.:
■ ■ Blog Dom Ruberval OSB
http://livroquadrado.blogspot.com/


Nenhum comentário:

Postar um comentário